RESENHA: Livro Anjos e Demônios - Dan Brown

Anjos e Demônios
Título Original: Angels & Demons
Autor: Dan Brown
Ano: 2000
ISBN: 8575421468

Introdução

“Anjos e Demônios” é um livro que retrata o possível retorno da seita satânica dos Illuminati, cuja simbologia deve ser desvendada por Robert Langdon, a personagem principal, e Vittoria, bio-física do renomado CERN (Conseil Européen pour la Recherche Nucléaire), a fim de evitar o colapso do Vaticano.

Estrutura

A obra é muito bem ambientada. Contendo mapas para melhor visualização dos marcos citados e descrições fiéis dos mesmos, o livro traz a possibilidade de que os cenários sejam vistos com fidelidade pelo público da maneira que são e pelo ângulo que se deseja. A divisão em capítulos é milimetricamente pensada. Alguns capítulos mais curtos, outros mais longos, mas todos com o mesmo intuito: encerrar o bloco com a sensação de “faltar algo”, fomentando, assim, a vontade do leitor de prosseguir à história. Mesmo contando com 464 páginas, em nenhum momento o livro é cansativo. Começa cálido – perto dos acontecimentos que se sucederão depois – e vai se acelerando, se aquecendo, criando um clímax que, por mais incrível que pareça, se sucede diversas vezes durante a história.




AVISO: Caso queira ler o Resumo COMPLETO do livro (spoiler), clique no botão "CONTEÚDO" abaixo.

Análise

O livro, de um modo geral ou específico, é uma grande leitura, já que suas qualidades superam os defeitos em muitos termos. O perfeito segredo por trás de Janus e do Hassassin permite que a história chegue a patamares aparentemente absurdos. A “troca de lado”,quando o mocinho vira bandido e vice-versa, que por diversas vezes acontece, é o ápice do livro. “Ninguém é totalmente Anjo, nem totalmente demônio”. Quem poderia imaginar que um membro da Igreja matara o papa e outros quatro cardeais em nome da Instituição, trazendo à tona um medo há muito esquecido, os Illuminati? O CERN, uma instituição científica renomada que há muito desprezava os manifestos da Igreja, seria o reduto mais lógico para os Illuminati. E então, há um redemoinho onde o camerlengo é o herói, o Hassassin e Olivetti são os vilões, posição posteriormente ocupada por Kohler e seu fiel cúmplice Rocher. Numa interpretação digna de Oscar, o Camerlengo finge ter recebido a informação divina. Reaparece, depois do helicóptero ser desintegrado, vivo, em cima da catedral. Então Robert sobrevive e você desconfia. Será que o homem santo é tudo isso? E descobre junto com Robert a farsa. E os papéis se invertem outra vez. É difícil não ficar atônito com tanta mudança dos fatos. Ora, isso tudo aconteceu num único dia! O tempo, inclusive, foi um fator altamente respeitado dentro da obra.
Como se sabe, nem tudo é exclusivamente divino. Alguns detalhes, apesar de não comprometerem a leitura, poderiam ter sido melhor explorados ou suprimidos. Por exemplo, o fato do camerlengo ser filho do Papa é muito previsível. Um bispo aparece para cuidar de um menino que aparentemente não tem nada a ver com ele, e sempre o tem junto dele. Então, o camerlengo descobre que o homem tivera um filho. Quem mais poderia ser além do camerlengo? Além das expressões do Papa ao revelar o segredo não deixarem transparecer dúvidas. Então, o que era pra ser uma revelação estarrecedora, passa despercebida na história. Torna-se apenas um gancho para que o espiral de fogo aconteça.
Outro ponto a ser considerado é a repentina mudança de espírito nas personagens Glick e Macri. Em um primeiro momento, era Glick o destemido repórter a transgredir todas as regras da BBC e fazer uma transmissão que renderia os grandes louros à sua carreira, e Macri era a cinegrafista contida. Durante o livro, Glick vai ficando cada vez mais ousado, e Macri apenas vai acompanhando, com um fio de esperança. Então, durante a visão do camerlengo, os papéis mudam – Glick fica misteriosamente amedrontado e Macri se torna a ousada cinegrafista – um recurso usado para justificar a luminosidade no recinto pela luz da câmera. Ainda assim, é um ponto controverso.

Recomendações
Anjos e Demônios é um livro que vai prender sua atenção com certeza – e trazer um tipo de conhecimento com que você não tenha muito contato, talvez. Simbologia pura – reconhecimento de vários símbolos maçons, Illuminatus, católicos, pagãos, e a história por trás dos símbolos é quase um capítulo à parte do livro. Conhecimentos arquitetônicos, artísticos, literários, geográficos, históricos, matemáticos, lingüísticos são alguns dos que aparecem no livro. É quase uma aula, porém com a adrenalina de um mistério. Muito recomendado.


O Autor

Dan Brown é um escritor norte-americano casado com a pintora e historiadora de arte Blythe, que colabora para as pesquisas de seus livros. Ele mora em New England, nos Estados Unidos. No início de 2004, todos os seus quatro livros - O Código Da Vinci, Anjos e Demônios, Fortaleza Digital e Deception Point - estiveram ao mesmo tempo na lista de mais vendidos do The New York Times



Essa resenha faz parte do Desafio de Férias do blog Garota It. Clique no banner no canto direito para ser redirecionado ao site!

Share this:

COMENTÁRIOS

16 comentários:

  1. ta mara xD
    util nao seii da pra pensar no caso
    uaHSUAHushaUHS

    TE AJUDARIA MAS NAO GOSTO DE ESCREVER E DE LER
    LALALAL
    ashaUHSUAh

    e o site ta mto feraa
    eu que ensinei !! kkkkkk
    zueraa

    mto interessante msmo
    show de bola ^^

    ResponderExcluir
  2. usarei quando cair em provas de tecnologia do conhecimento vertical

    ResponderExcluir
  3. Estou com muita vontade de ler algo de Dan Brown ultimamente.
    Bjos, Maria.

    ResponderExcluir
  4. Não sou muito fã de Dan Brown. Prefiro livros mais leves e divertidos.
    Bjus, Gabi.

    ResponderExcluir
  5. Dan Brown não é para mim mesmo.
    Bjos, Carol.

    ResponderExcluir
  6. Ainda não li nenhum livro do Dan Brown, apesar de ter muita vontade..e nem vi os filme,só quero ver quando ler. Parece se bem legal, cheio de mistérios e ainda aprender um monte de coisa com vc disse.

    ResponderExcluir
  7. FALA SÉRIO GENTE, DAN BROWN É O MELHOR! KK
    Eu amo os livros dele, já li todos *-*
    E eu tenho anjos e demônios, na verdade, para mim, é o melhor! Fico entre ele e o Símbolo perdido. kk
    Beijos, adorei o post!

    ResponderExcluir
  8. Olá, Willie! Seja bem-vindo.
    Hehehe, obrigada pelo carinho, amigo! COMO ASSIM "NÃO GOSTO DE ESCREVER E DE LER"?? Pode parar com esta palhaçada. u.u'. Leitura é indispensável, hehe. Brincadeiras à parte, obrigada pela visita!

    Abraços e até logo!

    ResponderExcluir
  9. Olá! Seja bem-vindo.
    Hehe, gostei. Aposto que será um uso muuuuuuuuito interessante mesmo. Se o fizer e der certo, me avise, ok? :D

    Abraços e até logo!

    ResponderExcluir
  10. Olá, Maria! Seja novamente bem-vinda.
    E por que não leu ainda? Digamos que ele não é o supra sumo do gênero, mas, com certeza, não é de todo ruim. Leia sim, viu?

    Abraços e até logo!

    ResponderExcluir
  11. Olá, Gabriela! Seja novamente bem-vinda.
    Mesmo? Puxa, que pena. Mas não pense que este blog só trará livros neste estilo. Há o mais diverso tipo de leituras... E com certeza uma delas lhe interessará.

    Abraços e até logo!

    ResponderExcluir
  12. Olá, Carolina! Seja novamente bem-vinda.
    Bom, se você já leu e constatou isto, creio que não há nada a se fazer (ninguém nos conhece tão bem quanto nós mesmos, correto?), mas se você ainda não leu... Não tire conclusões apenas da leitura de uma resenha. Ela serve de referência; o veredito final é seu.

    Abraços e até logo!

    ResponderExcluir
  13. Olá, Davi! Seja novamente bem-vindo.
    Não leu? Puxa, tem de ler. Como disse acima, não é o melhor escritor do gênero, mas ainda assim é muito bom. Creio que vá gostar bastante! E se ler... Volta pra me contar, certo? :D

    Abraços e até logo!

    ResponderExcluir
  14. Olá! Seja novamente bem-vinda.
    Hehehehe, o melhor... Bom, eu não sei se posso concordar, mas apoio! \o Eu também gosto bastante, acho que foi uma escolha muito acertada para começar este blog de resenhas, rs. Anjos e Demônios, para mim, só compete com Ponto de Impacto.

    Abraços e até logo!

    ResponderExcluir
  15. Saudações digitais

    Bom, esse livro de Dan Brown tem seus méritos e faz juz ao título de Best Seller. Tem muita pesquisa e conhecimento

    agregado na obra. Os capítulos são curtos e objetivos, sempre com um gancho para a próxima cena. Porém, como já li

    esse livro, tem uns pontos a ressaltar:


    ♣ Você já sabe o que vai acontecer entre Langdon e uma certa Vitoria, se não me engano, assim que ela entra na

    história

    ♣ O livro segue a clássica jornada do herói, com o protagonista sendo lançado à uma caçada, uma busca, percorrendo

    vários lugares de Roma pra no final salvar o mundo e a si mesmo (mundo = só o Vaticano)

    ♣ Uma história recheada de clichês hollywoodianos

    Mas, por outro lado, é uma trama muito bem enrolada. Como já disse, muito conhecimento agregado. Uma informação

    passada no início e que é usada nos últimos capítulos. Um final muito perplexo: quem iria imaginar que Janus era

    o... opa Spoiler ☺

    Enfim, sem falar dos muitos pontos turísticos de Roma. Minha professora de Literatura comenta muito esse escritor,

    que embora escreva lá seus livros com uma fórmula de sucesso manjada, engaja muito bem a história. E toda

    leitura é válida (mais uma frase da minha prof) e decerto este é um expoente da literatura de suspense e policial

    que mesmo merece o título de Best-Seller.

    Vale conferir algumas outras obras desse autor, como O codigo da Vinci e Fortaleza Digital (esse é fraquinho no

    início, mas engata lá no meio da leitura).

    Boa resenha.

    Att., CJ Braunne BR

    ResponderExcluir
  16. sidnei luis fermino3 de maio de 2014 12:24

    Oi adorei.. muito obrigado, me fez se
    interessar pelo livro....mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor
    Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores
    dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as
    teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre
    Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura e
    digite reverso...a capa do livro é linda ela traz o universo de fundo..abraços.
    www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?

    ResponderExcluir